Os 10 melhores sites de blogs gratuitos em 2020 (para criar um blog gratuitamente)

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br


Agora, mais do que nunca, o melhores sites de blogs gratuitos como WordPress, Wix, Weebly, Ghost, Medium e outros estão ajudando milhões de novos blogueiros a criar sites visualmente atraentes sem precisar aprender a codificar.

Como a criação de um blog ficou muito mais fácil nos últimos anos, aqui estão minhas escolhas para os dez melhores sites de blogs gratuitos você deve criar seu primeiro site e estabelecer as bases para o que está por vir em sua jornada de blog.

Os blogs têm uma história longa e rica. Desde 1993, as pessoas criam blogs que lhes interessam, geram renda ou ajudam a promover seus principais negócios.

Desde que você está aqui em meu blog, acho que você está interessado em criar um blog próprio.

Você pode ter um chamado profundo ao blog sobre uma paixão pessoal. Ou então, você pode começar um blog de nicho como uma agitação lateral para ganhar dinheiro blogando fora do seu trabalho diário. Se você deseja criar um blog para fotos de família, monetização ou informar o mundo sobre suas paixões, é provável que você não queira gastar muito dinheiro para começar.

Enquanto houver muito das plataformas de blogs disponíveis hoje, nem todas são livre. Um site de blog gratuito, no entanto, permite que você experimente sem criar tensão financeira. É uma excelente maneira de ser criativo e encontrar sua voz sem gastar muito além de seu próprio tempo.

Se você deseja usar um site de blog gratuito para impulsionar seu blog, compilei minha lista de 10 melhores sites de blogs gratuitos você pode começar imediatamente.

Contents

10 melhores sites de blogs gratuitos para criar seu blog gratuitamente em 2020

  1. WordPress (Auto-Hospedado)
  2. Wix
  3. WordPress.com
  4. Weebly
  5. Médio
  6. Blogger
  7. Fantasma
  8. Tumblr
  9. Joomla
  10. Yola

Divulgação: Observe que alguns dos links abaixo são afiliados e, sem nenhum custo adicional, receberei uma comissão. Quando você compra um dos produtos que recomendo usar um dos meus links de afiliados, a empresa me compensa, o que me ajuda a administrar este blog e a manter meu conteúdo gratuito para você. Saiba que também recomendo apenas produtos que pessoalmente defendo.

Depois de fazer sua pesquisa e estar pronto para criar um blog rentável, vá para o meu melhor guia para iniciar um blog.

Deseja iniciar seu blog (o caminho certo)?

Confira meu guia definitivo: Como iniciar um blog (ao lado).


WordPress, o Melhor Site de Blog Gratuito e CMS (Screenshot)

Minha recomendação nº 1 entre as melhores sites de blogs gratuitos é: WordPress auto-hospedado. Atualmente, o WordPress fornece 34% dos sites na Internet.

O WordPress auto-hospedado, também conhecido como WordPress.org, é uma plataforma de código aberto para a criação de um blog – e é 100% gratuito, porque os criadores do WordPress acreditam na democratização da publicação e nas liberdades que acompanham o código aberto.

Em outras palavras, as pessoas que criaram e gerenciam o WordPress acreditam que as pessoas devem ter acesso a uma plataforma na qual possam publicar as coisas que são importantes para eles – da maneira que escolherem.

Para quem é um blog WordPress hospedado?

Um dos principais motivos pelos quais eu recomendo o WordPress auto-hospedado como o melhor site de blog gratuito absoluto a ser usado é o fato de ser uma ótima opção para uma ampla gama de blogueiros (e também para orçamentos de blogs diferentes).

Seja você um iniciante em absoluto aprendendo o que é um blog hoje em dia ou executando um site de seis dígitos, o WordPress oferece as melhores ferramentas para criar um site incrível capaz de estruturar um plano de negócios de blog rentável em torno dele. O mais importante é que um blog com WordPress pode crescer com você à medida que você desenvolve seu estilo, marca e conteúdo ao longo do tempo.

Como o WordPress.org explica, “Muitos usuários finais do WordPress não têm uma opinião técnica. Eles não sabem o que é AJAX, nem se importam com a versão do PHP que estão usando. O usuário médio do WordPress simplesmente quer escrever sem problemas ou interrupção. ”

Por outro lado, eles continuam dizendo que, com os vários temas, plugins e acesso à codificação (se você quiser), os blogueiros com uma mentalidade mais técnica também têm a liberdade de criar seus próprios sites da maneira que quiserem.

Seja você um blogueiro novinho em folha ou experiente, o WordPress é mais do que provavelmente a sua melhor escolha de sites de blogs gratuitos – sem dúvida.

Informações gerais sobre o WordPress auto-hospedado

O WordPress.org (também conhecido como WordPress auto-hospedado) é um sistema de gerenciamento de conteúdo de código aberto (CMS) criado em 2003 com o objetivo de oferecer ao mundo uma plataforma de blogs verdadeiramente gratuita. Código aberto significa software que é oferecido gratuitamente e pode ser modificado por outras pessoas. O CMS é um software ou programa que permite criar e gerenciar seu conteúdo digital.

O WordPress é totalmente gratuito, mas você precisará se inscrever em um plano mensal de hospedagem paga e comprar um nome de domínio para usá-lo (por exemplo, auto-hospedagem).

A seguir, entraremos em mais detalhes sobre hospedagem na web, mas é importante observar que é extremamente acessível executar um blog WordPress auto-hospedado – pense em US $ 2 a US $ 10 / mês.

O que é hospedagem WordPress?

Hospedagem refere-se a uma empresa que armazena seu site para que possa ser visualizado na internet. Sem ele, seu blog não é realmente viver e legível para os outros.

Para que seu conteúdo seja armazenado e distribuído corretamente, você precisa do que é chamado de servidor. Um servidor da web está conectado à Internet e recebe solicitações (pessoas que desejam ler o conteúdo do seu blog) e responde exibindo as páginas do seu site.

Um computador doméstico não está configurado para hospedar adequadamente seu próprio site (sem algumas modificações e despesas sérias). É por isso que você precisa do melhor plano de hospedagem na Web de uma empresa confiável para garantir que seu blog esteja conectado à Internet.

Minha recomendação pessoal para hospedagem acessível e confiável é o Bluehost. Eu os uso há anos e estou muito feliz com seus serviços.

Hospedagem Bluehost para sites de blogs gratuitos no WordPress

Mesmo se você escolher o plano mais barato (em torno de US $ 2,95 / mês), você terá muitos recursos excelentes, como um certificado SSL gratuito, que torna seu site ultra seguro, largura de banda não medida e um nome de domínio gratuito – junto com os excelentes recursos 24 / 7 suporte técnico para responder a quaisquer perguntas que você tiver.

Eles também são uma das três empresas de hospedagem recomendadas especificamente pelo WordPress e oferecem uma instalação fácil com um clique para instalar o WordPress como o site de blog gratuito para potencializar seu blog nos bastidores.

Exemplos de sites criados no WordPress auto-hospedado

Jane Goodall Institute

Site de blog gratuito auto-hospedado WordPress usado por Jane Goodall

A mulher pioneira

Top Food Blog Mulher Pioneira Construída no WordPress

A vida fazendo

Exemplo de criação de um blog gratuito criado com WordPress

Um Olhar Por Dentro do WordPress Auto-Hospedado (Site de Blog Gratuito)

Se você fizer login na sua conta do WordPress e selecionar “Adicionar um novo post”, esta é a tela que você verá.

Existem alguns plugins adicionados a este site de exemplo gratuito, incluindo Elementor e Yoast SEO.

No editor do WordPress, você pode adicionar mídia, alterar texto, adicionar um formulário de contato e muitas outras coisas.

Onde criar novas postagens usando o WordPress como uma plataforma gratuita de blogs

Se você deseja adicionar uma nova página, irá para uma tela que seja praticamente idêntica à tela para adicionar nova postagem no blog.

WordPress como o CMS para criar um blog gratuitamente e publicar novas postagens

Aqui você pode adicionar coisas diferentes ou usar o plug-in Elementor para usar uma interface de arrastar e soltar para facilitar a visualização.

Como mover imagens e editar conteúdo usando o WordPress CMS gratuito

A versão gratuita do Elementor oferece uma série de “widgets” na coluna da esquerda que você pode usar para personalizar seu site.

Prós do WordPress auto-hospedado como um site de blog gratuito

Personalização e flexibilidade

Um dos recursos mais atraentes sobre o WordPress auto-hospedado como um site de blog gratuito é que ele é altamente Customizável. Existem mais de mil temas para escolher e mais de 55.000 plugins. Muitos dos temas e plugins são de uso gratuito, mas existem outros premium que adicionam ainda mais funcionalidades.

Com o WordPress.org, você é livre para fazer o que quiser com o seu blog.

Site de blog mais fácil de gerar receita 💸

Se você planeja gerar receita com seu blog, o WordPress.org é uma boa opção. Você pode gerar receita com seu blog da maneira que quiser. Zero restrições.

Como ganhar dinheiro blogando em 12 maneiras comprovadas

Se você também quiser usar seu blog como um site de comércio eletrônico, poderá usar um plugin como o WooCommerce para aceitar pagamentos, exibir produtos e gerenciar inventário.

É um site de blog gratuito que cresce com você

Ao contrário de muitos outros sites de blogs gratuitos, o WordPress pode realmente crescer com você. Se você realmente gosta de blogs e quer passar para o próximo nível, o WordPress pode levá-lo até lá.

Contras do WordPress auto-hospedado como um site de blog gratuito

A hospedagem não é gratuita

A plataforma de blog WordPress é gratuita, mas você ainda precisará pagar pela hospedagem automática. Você também precisará pagar por um nome de domínio no WordPress.org. Isso pode ser um impedimento para você, especialmente se você estiver procurando por algo que seja completamente livre.

Mas, como o seu blog cresce, é provável que você queira encontrar uma plataforma que ofereça muito mais flexibilidade do que as outras opções gratuitas. Em vez de atualizar com um plano como Wix ou Weebly, você pode encontrar um plano de hospedagem bastante barato e desenvolver um blog exatamente o que você deseja.

Curva de ensino superior

O WordPress é uma boa escolha, mesmo para iniciantes, mas tem uma curva de aprendizado mais alta do que os construtores de sites como Wix ou Weebly. A interface não é tão fácil de navegar como os construtores de sites “o que você vê é o que obtém” (WYSIWYG).

Se você deseja usar um construtor de páginas de arrastar e soltar para criar seu blog, recomendo a Elementor. Aqui está o que parece nos bastidores:

Elementor Best WordPress Themes Exemplo de Arrastar e Soltar Página Construtor

O Elementor tem uma versão gratuita incrível que você pode usar e permite visualizar a aparência do seu site antes de você publicar.

Além disso, quando esse construtor de páginas é combinado com o tema WordPress Hello Elementor (gratuito), é uma combinação extremamente rápida que fará com que seu blog seja lançado rapidamente e configurado corretamente nos próximos meses e anos.

Leia Também  O blog de design de estilo de vida

Manutenção

Uma última desvantagem em potencial do uso do WordPress auto-hospedado como sua plataforma de blog gratuito é que você é responsável por gerenciar e manter tudo no seu blog. Isso inclui itens que garantem a segurança dos plug-ins de segurança, backups estão acontecendo regularmente e atualizações são ativadas.

Algumas dessas coisas podem ser fornecidas a você através do seu plano de hospedagem na web, especialmente se você estiver usando uma empresa de hospedagem como a Dreamhost ou a Bluehost – mas, independentemente disso, leva um pouco mais de tempo para manter do que alguns dos outros blogs gratuitos sites que estamos cobrindo aqui.

Wix como um site de blog gratuito para começar com um orçamento apertado

O Wix entrou em cena como uma plataforma de blog gratuito em 2006. Desde então, ele forneceu uma plataforma de site para 150 milhões de pessoas notáveis. Também é usado em 190 países ao redor do mundo.

O Wix é um construtor de sites com uma interface de arrastar e soltar. É um software (WYSIWYG) para que você saiba exatamente como será o seu blog antes de clicar no botão “publicar”.

Eles têm vários planos pagos, mas também oferecem uma opção gratuita.

Quem gostaria do Wix

O Wix é uma boa opção para quem quer um realmente maneira fácil de começar seu blog gratuitamente. Se você deseja iniciar um blog sem precisar cuidar de coisas como segurança, backups, hospedagem e assim por diante, o Wix é uma boa opção. O Wix cuida de tudo isso para você, mesmo em seus planos de plataforma gratuitos.

A versão gratuita do Wix não funcionaria para quem procura monetizar seu blog ou criar uma aparência mais personalizada.

Informações gerais sobre o Wix

O Wix foi criado por três fundadores que queriam uma “plataforma que permitisse a qualquer um criar seu próprio site sem a necessidade de habilidades de codificação ou design”. Daí o foco contínuo em fornecer uma opção de site de blog gratuito para novos blogueiros em todo o mundo.

Em outras palavras, eles queriam criar uma maneira muito fácil para as pessoas criarem um blog ou site.

Com a versão gratuita do Wix, você obtém:

  • Até 500MG de armazenamento
  • Largura de banda de até 500 MB
  • Suporte ao cliente

Exemplos de sites Wix

Se você deseja iniciar um blog de culinária e mantê-lo simples, veja um bom exemplo de como fazê-lo neste site de blog gratuito:

Exemplo de blog de culinária criado usando o Wix de graça

E aqui está um exemplo de um site mais direcionado ao portfólio:

Exemplo de um blog gratuito criado com o Wix

Estes são exemplos que o Wix destaca como o que você pode criar com as ferramentas gratuitas de sites de blogs.

Eles são visualmente muito impressionantes, mas provavelmente foram criados usando os planos premium do Wix.

Um olhar por dentro do Wix

O Wix é um verdadeiro construtor de arrastar e soltar. Isso significa que você pega os recursos da coluna do lado esquerdo e os coloca diretamente na página. Você pode manipular texto, imagens, vídeos, aplicativos e muito mais apenas movendo-os.

Captura de tela do Tutorial do Wix Content Editor

Como editar conteúdo no Wix Blog Designer gratuito

O interessante do Wix é que você pode realmente alterar qualquer elemento em suas páginas.

No entanto, uma das desvantagens do Wix como editor é que ele não oferece a mesma flexibilidade com os recursos de blog que em suas páginas mais estáticas.

Exemplo de postagem no blog do Wix (captura de tela)

A interface do blog é bastante básica. Há um número limitado de configurações para imagens e texto, tornando isso muito menos atraente para um blog.

Profissionais do Wix como um site de blog gratuito

Muito Fácil de Usar

Não se pode negar que o Wix é realmente fácil de usar. Com o recurso de arrastar e soltar para o site e a capacidade de ver exatamente o que você está recebendo, é super simples para iniciantes.

Completamente grátis (se você permanecer no plano certo)

A versão gratuita do Wix é completamente livre. Não é necessário se inscrever para hospedagem ou nome de domínio.

Contras do Wix como um site de blog gratuito

Marca e Publicidade Wix

Como o WordPress.com, se você usa um site Wix gratuito, seu site terá a marca Wix.

O nome do Wix estará no seu URL e haverá publicidade Wix no seu site.

Pouca ou nenhuma monetização

Como o Wix usa sua própria publicidade, eles não permitem que você publique seus próprios anúncios na versão gratuita. Também não há opção de comércio eletrônico para o site gratuito do Wix.

Funções limitadas de blogs

Embora o Wix tenha recursos de site muito responsivos que o tornam fácil e intuitivo de usar, sua plataforma de blog não é tão forte. Ainda é fácil de usar, mas é muito mais restritivo do que as páginas regulares do site que você pode criar no Wix.

Nenhuma migração de site

Se você inicia seu blog e decide que o Wix não é onde você gostaria de ficar, é extremamente difícil migrar para longe do site de blog gratuito. Eles não têm uma opção fácil para a migração de sites, portanto, você precisará ter mais conhecimento em tecnologia para transferir seu conteúdo.

Não é possível alterar modelos

O Wix tem uma ótima seleção de belos modelos, mas você fica mais ou menos preso a um depois de escolher – uma ocorrência bastante comum em sites de blogs gratuitos como esse. Essa é uma grande queda se você tiver uma visão diferente para o seu blog no futuro, mas nada que não possa ser superado trabalhando com a equipe de suporte.

WordPress Dot Com como um site de blog gratuito superior para usar

Mesmo se você é novo no blog, provavelmente já ouviu falar do WordPress.

O que você talvez não saiba – é que existem dois tipos diferentes de WordPress. Há o WordPress.org (auto-hospedado) e o WordPress.com.

Analisei o WordPress.org (auto-hospedado) primeiro como a nossa escolha número 1 entre os melhores sites de blog gratuito, mas agora vamos falar sobre a contrapartida – WordPress.com

O WordPress.com pagou planos, mas eles também oferecem uma versão gratuita limitada.

Quem gostaria do WordPress.com

A versão gratuita do WordPress.com funcionaria bem para quem deseja testar um blog, mas não está muito preocupada em gerar receita ou ter acesso a muitos recursos – pelo menos por enquanto.

Para quem quer um blog simples, ou para quem quer apenas ver se gosta de blogar, o WordPress.com é uma opção fácil para um site de blog gratuito e robusto.

Outro benefício interessante do WordPress.com é que você tem espaço para crescer com esta plataforma. Você pode comprar planos mais caros para obter benefícios adicionais. Você também pode migrar seu site facilmente do WordPress.com para o WordPress.org, se desejar mais flexibilidade no futuro.

Informações gerais sobre o WordPress.com

O WordPress.com foi lançado em 2005 como uma maneira de “levar a experiência do WordPress a um público ainda maior”, e continuou a oferecer sites de blogs verdadeiramente gratuitos como uma porta de entrada para novos criadores de conteúdo entrarem no mundo dos blogs com orçamento limitado.

O WordPress.com se descreve como “uma versão hospedada do software de código aberto. Aqui, você pode iniciar um blog ou criar um site em segundos, sem nenhum conhecimento técnico. ”

Em vez de pagar pela auto-hospedagem, o plano de hospedagem faz parte da experiência do WordPress.com. Isso é verdade mesmo com a versão gratuita do WordPress.com.

A versão gratuita do WordPress.com inclui:

  • Recursos essenciais do Jetpack
  • Armazenamento 3G
  • Dezenas de temas gratuitos

Exemplos de sites criados no WordPress.com

Veja alguns dos temas disponíveis para o WordPress.com:

Exemplos de blogs gratuitos criados no WordPress (captura de tela)

Uma olhada no WordPress.com

A interface do WordPress.com tem algumas semelhanças com a versão auto-hospedada do WordPress.org, mas não é idêntica e não possui tanta funcionalidade.

Tutorial de criação de um blog gratuito do WordPress

Depois de criar um blog no WordPress.com, você será levado a esta página. Você pode escolher opções como “estatísticas”, “design” e “ferramentas”.

Captura de tela 2019 08 20 em 3.54.49 PM

WordPress.com faz conceda acesso ao painel do administrador usado no WordPress auto-hospedado, mas pode ser um pouco mais confuso usando os dois painéis se você ainda não estiver familiarizado com o WordPress.

Captura de tela do Editor de conteúdo gratuito do WordPress

Profissionais do WordPress.com como um site de blog gratuito

Completamente grátis

Se você usa a versão gratuita do WordPress.com, pode executar um blog completamente livre. Você não precisa se preocupar em pagar por um nome de domínio, pois seu site de blog gratuito será hospedado em um URL como yourblog.wordpress.com.

Livre de manutenção

Com o WordPress.com, você não precisa se preocupar com coisas como segurança, atualizações ou hospedagem de sites. Essas coisas são resolvidas por você através do WordPress, mesmo em sua plataforma gratuita.

O WordPress.com também oferece suporte à comunidade de bate-papo ao vivo e um fórum onde você pode fazer perguntas.

Contras do WordPress.com como um site de blog gratuito

Marca WordPress

Quando você usa uma conta gratuita do WordPress.com, seu endereço da Web inclui o WordPress (como yourblog.wordpress.com), o que é bastante comum entre sites de blogs gratuitos.

Embora você não precise pagar por um nome de domínio, não parece limpo e profissional ter a marca do WordPress. Também é mais difícil para as pessoas lembrarem-se do seu endereço da Web do que se fosse simplesmente seudominio.com

Limitações com personalização

O WordPress.com oferece uma variedade de temas e plugins gratuitos que você pode usar com o seu blog. Mas, ele não oferece quase o mesmo que as versões pagas do WordPress.com. Nem a versão gratuita ou paga do WordPress.com oferece tanto acesso a plugins e temas quanto o WordPress.org.

Pouca ou nenhuma monetização

O WordPress.com não é uma boa opção se você planeja gerar receita com seu blog. A versão gratuita do WordPress.com pode permitir o uso restrito de links afiliados, mas você não poderá anunciar de nenhuma outra maneira.

Os anúncios deles são exibidos no seu site e você não tem controle sobre eles, nem gera receita com eles.

Também não há opção de comércio eletrônico com a versão gratuita do WordPress.com.

Mais difícil de usar do que outros criadores de sites

WordPress.com é não uma interface extremamente difícil, mas não é tão fácil de usar quanto o Wix e o Weebly.

A capacidade de alternar entre a interface do WordPress.com e o administrador do WordPress.org oferece mais flexibilidade com este site de blog gratuito, mas torna as coisas mais complicadas para os novos blogueiros.

Weebly Sites de Blog Grátis para Construir o Seu Blog

O Weebly é outra opção extremamente popular entre os melhores sites de blogs gratuitos da atualidade – em grande parte porque é fácil de usar e criar especialmente com o comércio eletrônico em mente.

Como o Wix de cima, este site de blog gratuito também possui um recurso de arrastar e soltar e centrado em torno de um construtor de páginas WYSIWYG. É muito fácil de usar para um blogueiro novinho em folha que deseja testar as coisas usando uma plataforma gratuita para se familiarizar com os blogs.

O Weebly começa como um site de blog gratuito, mas também oferece planos premium para desbloquear mais recursos, obter seu próprio nome de blog e permitir que mais leitores acessem seu site.

Quem gostaria Weebly?

Weebly é outra boa opção para um blogueiro que quer um realmente fácil (gratuito) construtor de sites para trabalhar.

Ele também possui uma opção de comércio eletrônico para que você possa usá-lo para iniciar um pequeno negócio e vender itens físicos ou digitais diretamente do seu blog.

A versão gratuita do Weebly não seria uma opção recomendada como um blog de longo prazo que você pretende monetizar.

Informações gerais sobre o Weebly

O Weebly foi fundado em 2006, no mesmo ano do Wix. O plano gratuito inclui:

  • Segurança SSL grátis
  • 500MB de armazenamento
  • SEO
  • Formulários de captura e contato de leads
  • Fórum da Comunidade
  • Suporte por bate-papo e e-mail

Exemplos de sites Weebly

A bola de uísque:

Exemplo de captura de tela do site Weebly

Compromissos detalhados:

Exemplo de um site de casamento criado com a plataforma de blogs gratuita Weebly

Esses exemplos são apresentados no site da Weebly, mas são mais do que provavelmente criados com planos premium (e não apenas com os recursos gratuitos do site de blogs).

Um Olhar Por Dentro do Weebly

Se você escolher o plano gratuito do Weebly, receberá esta opção inicial:

Captura de tela 2019 08 22 em 1.08.54 PM

Para nossos resumos gratuitos de sites de blogs aqui, decidi escolher um site com uma loja on-line para explorar completamente o que o Weebly tem a oferecer. Se você deseja executar apenas um blog orientado a conteúdo, escolha “Eu só preciso de um site”.

Depois, você pode escolher entre vários temas gratuitos.

Captura de tela 2019 08 22 em 1.35.55 PM

Depois de escolher um tema, você pode ir para o editor.

Captura de tela 2019 08 22 em 1.50.26 PM

O traço da barra lateral é muito fácil, mas não é tão intuitivo ou fácil de usar quanto a interface Wix. Além disso, você também tem muito mais opções de personalização com o Wix.

Se você deseja adicionar uma postagem no blog, é realmente simples. Além disso, há mais flexibilidade com o Weebly desse lado das coisas, do que com o Wix. As mesmas opções de arrastar e soltar que você tem para o seu site estão disponíveis nas postagens do seu blog.

Captura de tela 2019 08 22 em 1.57.51 PM

Como o Weebly está focado no comércio eletrônico, você também pode adicionar produtos e categorias.

Captura de tela 2019 08 23 em 10.58.51 AM

Profissionais do Weebly como um site de blog gratuito

Completamente grátis

A versão gratuita do Weebly é totalmente gratuita. Sem domínio ou custos de hospedagem. Uma ótima maneira de começar, se você quiser testar as coisas em um site de blog gratuito, sem restrições.

Fácil de usar

O Weebly é realmente fácil de usar e oferece a mesma configuração rápida para criar postagens por meio de sua plataforma de blog gratuito. Você pode criar posts de blog atraentes e interessantes usando o plano gratuito de Weebly. A opção de blog do Weebly tem mais recursos e capacidade de personalização do que a plataforma de blogs do Wix.

Alterar temas facilmente

Com o Weebly, você pode alterar seus temas quantas vezes quiser. Você não está preso a um tema para sempre, o que é uma boa opção se você quiser mudar as coisas depois de colocar seu blog em prática.

Opções de comércio eletrônico

Existe uma opção para vender itens diretamente do seu blog com o Weebly. Se você deseja usar isso como uma maneira de gerar receita com seu site, isso é possível com o Weebly.

Contras do Weebly como um site de blog gratuito

Weebly Branding

Assim como no WordPress.com e no Wix.com, você terá que lidar com a marca Weebly para a versão gratuita. Isso significa que seu URL terá a marca Weebly e exibirá anúncios Weebly em seu site.

Ao contrário das outras duas opções, o Weebly permite que você insira um nome de domínio personalizado com a versão gratuita do Weebly. Você ainda tem anúncios do Weebly, mas poderá usar seu próprio nome de domínio.

Não é tão fácil quanto o Wix para aprender

O Weebly possui um recurso de blog mais personalizável, mas a plataforma, em geral, não é tão fácil ou intuitiva quanto o Wix.

Personalização limitada

Comparado a algo como o WordPress.org, o Weebly tem muito menos maneiras de personalizar seu site de blog gratuito. Com apenas alguns temas e aplicativos, ele não se compara ao WordPress.com ou WordPress.org.

Médio como um site de blog gratuito a ser usado para começar hoje

Medium é diferente dos outros nomes nesta lista de sites de blogs gratuitos, porque não é realmente um verdadeiro construtor de sites.

De fato, embora o Medium seja um site de blog gratuito, ele funciona um pouco mais como uma comunidade de escritores que conhece a plataforma de mídia social.

Leia Também  uma página de destino responsiva pode afetar seu website

Dito isto, o Medium é totalmente gratuito para compartilhar o conteúdo do seu blog e você pode começar imediatamente.

Quem gostaria de médio

Medium é uma boa opção para escritores que procuram exposição por meio de um site de blog gratuito que também possui um grande componente de comunidade interno. Funcionaria bem para um blog de hobby ou para começar a encontrar sua voz como escritor.

Outra razão pela qual as pessoas usam o Medium é dar vida nova ao conteúdo que elas produziram em outros lugares. Como o Medium possui um público interno, algumas pessoas optam por republicar as postagens do blog que já publicaram no blog principal – para ajudar a direcionar o tráfego de volta para os blogs.

Informações gerais sobre o Medium

O Medium foi criado para ser um meio de mídia social para pessoas que queriam escrever postagens mais longas do que aquelas que você pode encontrar no Facebook ou Twitter.

Quando o Medium foi lançado em 2012, o CEO Ev Williams publicou uma postagem no blog chamada “Welcome to Medium”. Nele, ele explicou o objetivo da plataforma.

“O Medium é um novo local na Internet onde as pessoas compartilham idéias e histórias de post de blog com mais de 140 caracteres e não apenas para amigos. Ele foi desenvolvido para pequenas histórias que tornam seu dia melhor e manifestos que mudam o mundo … “

“No Medium, você pode contribuir com frequência ou apenas uma vez na lua azul, sem o compromisso de um blog. De qualquer forma, você está publicando em uma rede próspera e pulsante – e não em um site independente, que você é o único responsável por manter vivo. ”

Portanto, o principal apelo do Medium é que ele oferece um público interno – semelhante a quando você publica conteúdo no YouTube, Twitter ou LinkedIn.

Exemplo de uma postagem de blog criada na mídia

Aqui está uma postagem que escrevi para o meu blog Medium há alguns anos atrás, onde às vezes republico conteúdo para atrair mais leitores:

Artigo de sites de blog gratuito médio, postando um exemplo

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

Não há necessidade de mostrar várias postagens no Medium, porque, além de fotos ou vídeos diferentes, os layouts dos blogs são essencialmente iguais.

Um olhar no interior médio

Captura de tela 2019 08 26 em 7.18.46 AM

Ao iniciar sua conta do Medium, você será solicitado a escolher os tópicos de seu interesse.

Isso tem mais a ver com o tipo de artigos que aparecerão no seu feed e menos no seu próprio blog.

Quando você começa a escrever uma postagem no blog, é assim que sua tela inicial será exibida.

Screen Shot 2019 08 26 at 7.20.15 AM cópia

Estas são as suas opções de edição. Veja como é o título e a imagem principal.

Captura de tela 2019 08 26 em 7.26.16 AM

Você pode incorporar vídeos diretamente nas postagens do seu blog no Medium.

Captura de tela 2019 08 26 em 7.26.29 AM

Você também pode incorporar postagens de mídia social como esta na minha conta do Twitter.

Além desses recursos, há muito pouco que você pode fazer para alterar a aparência do seu blog ou personalizá-lo.

E você pode pesquisar na galeria de mídia Unsplash para adicionar fotos relacionadas à sua postagem no blog.

Prós do Medium como um site de blog gratuito

Fácil de Aprender e Publicar

Médio é pode ser a plataforma mais fácil de usar. Basta se inscrever e começar a escrever. Não há necessidade de criar um site ou procurar hospedagem. Tudo está pronto para você começar imediatamente.

A interface do blog também é extremamente fácil e não leva tempo para entender.

Completamente livre para usar

Médio é completamente livre para usar. Não são necessárias taxas ou atualizações ocultas, tornando-o um blog verdadeiramente gratuito.

Público interno

Quando você publica no Medium, está escrevendo para um público que já existe. Você não precisa necessariamente competir com os mestres de SEO no Google para que seu conteúdo alcance um público.

Contras do Medium como um site de blog gratuito

Praticamente sem personalização

Além de adicionar imagens, vídeos ou incorporar postagens de mídia social, todas as postagens no Medium têm a mesma aparência. É como postar no Facebook – seu texto e imagens são diferentes -, mas cada post tem basicamente o mesmo layout e design.

Com o Medium, não há temas, aplicativos ou plugins para personalizar suas postagens, o que a torna uma das plataformas de blog gratuitas mais simples do mercado atualmente.

Sem monetização (real)

O Medium não é uma plataforma que você pode usar para gerar receita com seu blog. Não há opção para anúncios ou comércio eletrônico. É explicitamente contra as regras “anunciar ou promover produtos, serviços ou marcas de terceiros por meio de publicações, publicações ou cartas do Medium”, mas você ainda pode promover o conteúdo do seu blog com táticas como a divulgação de blogueiros.

Vocês lata use links de afiliados, mas você não tem permissão para criar conteúdo, “principalmente para direcionar tráfego ou aumentar a classificação de pesquisa de um site, produto ou serviço externo… Raspando e republicando conteúdo de outras fontes com o objetivo principal de gerar receita ou outros ganhos pessoais “.

Você não tem um blog próprio

Com o Medium como seu site de blog gratuito, você não precisa cuidar da manutenção de um blog, o que pode ser uma vantagem para alguns. Por outro lado, você não tem controle sobre o conteúdo que publica.

Você detém os direitos sobre o conteúdo que cria e publica no Medium. Mas seu conteúdo também pode ser removido por “qualquer motivo”.

Deixe-me ser claro. Com o Medium, você está publicando no site de outra pessoa. Isso significa que eles têm controle sobre a forma como as coisas são apresentadas.

Eles também podem mudar a maneira como fazem as coisas no Medium sem consultá-lo ou considerar seus interesses … e, diabos, eles podem até sair do negócio um dia, levando seu blog gratuito de acordo com ele.

Essa é uma das maiores razões pelas quais hospedar seu próprio blog (onde você está no controle) é a maneira mais inteligente de iniciar um blog.

Blogger como um site de blog gratuito para usar na criação de um blog gratuitamente

O Blogger é outra opção sólida (ainda que um pouco desatualizada) para sites de blogs gratuitos projetados para quem deseja um blog gratuito para testar as águas.

Comprado pelo Google em 2003, com este site de blog gratuito – em vez de realmente possuir seu próprio site, você o aluga mais ou menos do Google.

Quem gostaria do Blogger

O Blogger pode ser uma opção decente se você estiver procurando um lugar gratuito para iniciar seu blog de hobby. No entanto, com muitos outros sites de blog gratuitos modernos e à prova de futuro disponíveis no mercado hoje, eu não recomendaria pessoalmente usar o Blogger.

Informações gerais sobre o Blogger

O Blogger foi originalmente criado pela Pyra Labs em 1999, mas mais tarde foi comprado pelo Google em 2003.

Ao mesmo tempo, era uma maneira muito popular de iniciar um blog com orçamento limitado. Hoje, nem tanto.

Embora existam várias opções de personalização com o Blogger, ele não possui a sofisticação dos sites de blog mais modernos.

Exemplos de sites criados no Blogger

Example of Website Created on Blogger's Free Blogging Platform

A Look Inside Blogger

Here’s an example of some of the themes available with Blogger:

How to Create a Free Blog on Blogger (Screenshot Tutorial)

Your blog post editor has a number of customization options, which actually come close to what you’ll get from a better blogging site like WordPress.

Screenshot of a Blogger Article Example

There are a handful of fonts you can choose from, and you can load pictures and videos. You can also add HTML code for greater customization.

The website editor can be a bit clunky and difficult to navigate, though…

Screen Shot 2019 08 26 at 9.35.35 AM

You also have to “preview” your blog before you can see the changes you’ve made.

Pros of Blogger as a Free Blogging Site

Free to Use

You can create a blog with Blogger and you’ll have no fees. No hosting fees. You can choose to pay for a domain name which will eliminate the branding from blogspot in your URL.

Monetization Choices

Probably one of the best things about Blogger as a free blog site, is the ability to run AdSense ads on your page. You have a lot more freedom to monetize your site with Blogger than many of the other free blogging sites we’ve discussed.

Cons of Blogger as a Free Blogging Site

No Ownership of Your Site

Unfortunately, with Blogger you don’t actually own your site. That means Google can choose to shut down your site if they want to.

Not as Easy to Use as Other Options

While Blogger is fairly simple to run, it does have a higher learning curve than many of the other options. It also has a smaller payoff once you do learn how to run it.

Limited Customization

There are several different things you can change with Blogger, but ultimately it’s not loaded down with customization options.

Outdated Interface

Not a lot of people are using Blogger as a free blogging site these days, because it isn’t up-to-date with other options like we’ve broken down here already. The interface is not as user-friendly or modern as other blogging platforms.

Ghost as a Free Blogging Platform to Build a Blog on a Budget

Ghost was founded in 2013 from a Kickstarter project, with the intention of offering a free blogging site to professional writers. It has some similarities to WordPress, and like WordPress, it has a hosted and self-hosted version.

The self-hosted version is free, but (like with WordPress) does require a domain name and hosting.

Who Would Like Ghost

Ghost would work well for people who are looking for a simple, free blog site that’s specifically geared towards blogging. While WordPress began as a blogging platform, it has evolved into much more than that.

Ghost is still solely focused on blogging—not on general website production or eCommerce.

John O’Nolan, founder of Ghost has shared, “If you want a simple website with eCommerce that you use to run your business, give Squarespace a try. If you want to participate in a social network with sharing and re-posting and lots of cats, maybe Tumblr would be a better fit for you. On the other hand, if you’re looking to develop your own fully-fledged website or application with every imaginable bell and whistle, WordPress might be ideal.”

He continues, “If you want to have a simple but powerful independent publication, something that’s focused on the writing experience and giving you the freedom to be in complete control of your content, then you might find Ghost interesting.”

General Information About Ghost

Ghost exists as a free blogging site, primarily because John O’Nolan wanted to create something like WordPress that was solely for writers, while being more minimalistic and easier to navigate.

Ghost is a non-profit that is still in its infancy and still gaining its footing as a free blogging platform. While I certainly wouldn’t recommend Ghost over WordPress as a free blogging site at this point, I would keep an eye out for what they’re doing.

It also seems that they’re planning on changing the direction of their platform in upcoming months.

Here’s an excerpt from Ghost’s 2018 inside look:

“We spent a very long time trying to compete on convenience and simplicity. This was our biggest mistake and the hardest lesson to learn – because user feedback told us that this was what was most important… But it ended up being still not simple enough for the average user, and not powerful or flexible enough for the professional user — the worst of both worlds.

So the biggest takeaway after 5 years is that we have been moving, and will continue to move up market, toward professional users who value power and flexibility over ease of signup. This is where we can win compared to the competition. This is where Ghost comes into its own.”

The hosted version of Ghost has its lowest plan priced at $29 a month, so it obviously doesn’t have a free option.

Ghost is an open-source CMS though, so there is a free self-hosted version available. Signing up for it though, is less straight-forward than WordPress.org.

Hosting Options for Ghost

Not all hosting companies support Ghost as a blogging platform, but here’s a list of great hosts that do:

  1. Hospedagem A2
  2. Cloudways
  3. Digital Ocean
  4. HostPapa

An Example of a Ghost Theme

Screen Shot 2019 08 23 at 2.07.02 PM

A Look Inside Ghost

One cool thing that Ghost offers is an actual way of checking it out before you dive in. It’s called play-with-ghost.com

Screen Shot 2019 08 23 at 2.10.14 PM

With it, you can pick a theme, insert the admin info they provide, and actually mess around with the software for free.

Screen Shot 2019 08 23 at 2.11.35 PM

Once you’ve selected a theme, it takes you to a testing area where you can choose different options and play around with the features.

The blogging features are very clean and simple.

Screen Shot 2019 08 23 at 2.12.46 PM

Here’s a look at some of the elements you can add to your blog post:

Screen Shot 2019 08 23 at 2.16.46 PM

An example of what you can create as a blog post:

Ghost Screenshot of Free Blogging Platform Content Sample

It’s a fairly simple layout without an abundance of options. It does, however, have a feature called “markdown” which converts content into HTML code.

Como isso:

Example of a Blog Post in Ghost Blogging Platform

To this:

Screenshot of Ghost Content Editor as a Blogging Platform

Pros of Ghost as a Free Blogging Site

Simple and Easy to Use

For those who want a clean space to sit and write—Ghost offers just that.

It’s easy to navigate and isn’t weighed down by a lot of extras. It’s minimalistic setup makes it easy for bloggers to sit down and write.

There’s Room to Grow

Ghost is a newer establishment so it will be interesting to see how they develop over the next few years. They may change the blogging sphere in interesting ways—like using javascript instead of PHP to run their blogging site.

Cons of Ghost as a Free Blogging Site

Not the Most Customizable Option

It’s pro is also somewhat its con, as founder John O’Nolan has noted. In their effort to create simplicity, they have missed another group of people who want more flexibility and customization.

Hosting and Domain Name Fees

As with WordPress.org, Ghost offers no completamente free blogging site option, because you’ll still be responsible for your monthly hosting plan and getting a domain name.

Harder to Find Hosting Plans

Because Ghost chose to use javascript (node.js) to power their free blogging platform, it’s more difficult to find a hosting company that supports it from a technical standpoint—aside from their own hosting plans, of course.

Tumblr as a Top Free Blog Site to Get Started on

Tumblr is an alternative free blogging site that currently hosts 476 million different blogs, and it was just recently purchased by Automattic (the company behind WordPress). Like Medium though, Tumblr is a mix between a blog and a social media channel.

Who Would Like Tumblr

Tumblr is geared towards a younger generation and trends well with 18-29 year olds. It’s a fun and interesting way to share your content. Tumblr describes itself as a place where you can find just about anything, making it a fascinating blend of free blogging site and built-in community.

Leia Também  Huawei Ideos Tablet S7 - revisão & sorteios

It’s a great choice for people who want to produce relatively quick or short content and don’t want to be bogged down by website production or the extra work involved with running your own site.

Tumblr would not be an ideal choice for someone interested in owning their own blog/website. It would also be an unlikely choice for someone starting a business, although you could use Tumblr to funnel traffic to an outside shop like Etsy or eBay.

General Information About Tumblr

Tumblr was created as a free blog platform in 2007 by David Karp. Sometimes Tumblr is referred to as micro-blogging, which is what Instagram, Facebook, and Twitter are. But, Tumblr is more middle of the road between Twitter and WordPress. It’s multi-media and a little different than most other forms of blogging sites out there.

In an interview with TechCrunch, David Karp describes the reason he created Tumblr. “All blogs took the same form… I wanted something much more free-form, much less verbose.”

He went on to explain that some people want to create an online identity without learning the process of website building. He said, “It’s a commitment, you need to sit down for an hour and hammer out a post.” He believes that WordPress is the best tool for people who enjoyed writing and wanted to put in the extra time, but it was the wrong tool for those who didn’t.

Tumblr describes their platform this way: “We made it really, really simple for people to make a blog and put whatever they want on it. Stories, photos, GIFs, TV shows, links, quips, dumb jokes, smart jokes, Spotify tracks, mp3s, videos, fashion, art, deep stuff. Tumblr is 476 million different blogs, filled with literally whatever.”

Another compelling part of Tumblr is you can follow people on it. You can build a following through the platform and like Instagram, those people will see your new posts on their dashboard. People can also reblog your content so it gets shared and shared again.

Changes for Tumblr

As of August of 2019, Automattic, owner of WordPress, purchased Tumblr. It’s still unclear what changes might come from this acquisition, but executives from both entities said they’re looking for ways for WordPress.com and Tumblr to share services and functionality.

Tumblr has lost popularity since its original launch, partly due to its more recent ban of adult material, but Automattic may breathe new life into the platform.

Examples of Blog Posts Created on Tumblr

Here’s a fun one from NPR:

Example of a Blog Post on Tumblr (screenshot)

And here’s another example of creative Tumblr content:

Tumblr Free Blog Site Example of Post Format

A Look Inside Tumblr

Tumblr allows you to include things like gifs, audio, and quotes.

How to Use Tumblr as a Free Blogging Platform

It functions as a social media platform as well but it’s very playful in nature.

Here’s what it looks like when you first log in to your account.

Tumblr Content Editor Screenshot

You can also add videos, images, and tags.

Pros of Tumblr as a Free Blogging Site

Fun, Creative and Interesting Community

If you want to produce fun and interesting content without being weighed down by website construction, Tumblr is a vibrant place to express your creativity—and one of the most widely used free blogging sites in the world.

Free to Use

Like Medium, you don’t have to pay to post on Tumblr. You’re free to do what you want on the platform without extra fees—it’s a truly 100% free blogging site.

Ability to Monetize

Surprisingly, Tumblr offers a variety of ways to monetize your blog including ads and affiliate links.

Cons of Tumblr as a Free Blogging Site

You Don’t Own your Site or Your Content

When you use Tumblr you have no control over changes made to the platform, which is one of the biggest drawbacks of using this as a free blog site. And while you own the “subscriber content” you create, Tumblr also has certain rights to it. Their privacy policy explains,

“When you provide Subscriber Content to Tumblr through the Services, you grant Tumblr a non-exclusive, worldwide, royalty-free, sublicensable, transferable right and license to use, host, store, cache, reproduce, publish, display (publicly or otherwise), perform (publicly or otherwise), distribute, transmit, modify, adapt (including, without limitation, in order to conform it to the requirements of any networks, devices, services, or media through which the Services are available), and create derivative works of, such Subscriber Content.”

On Tumblr, when people reblog your content, they also have the right to modify it. This may not be the worst thing, but if you want your original content to remain untouched, Tumblr probably isn’t your best choice.

Limited Customization

While Tumblr allows you to be very creative with the multimedia content that you share, especially amongst free blogging sites, the outlet itself is very standard. You don’t have the flexibility to extend your features or add custom themes.

Joomla Self-Hosted Free Blogging Site to Use on a Budget

Similar to WordPress, Joomla is also an open-source CMS. And like with running a self-hosted WordPress site, you’ll be required to purchase your domain name and hosting plan in order to fully utilize this otherwise free blogging site.

Joomla is the second most popular CMS in the world (behind WordPress) and powers around 58 million websites.

Who Would Like Joomla

Joomla requires a bit more technical knowledge than WordPress and most of our other top free blog sites here today, so it wouldn’t be ideal for someone looking for a very easy (non-technical) platform.

It also has a more advanced user system, so that means if you do have the technical knowledge, there’s more you can do right out of the box.

Another selling point about Joomla is it has multilingual support built into it without adding any additional plugins.

General Information About Joomla

Joomla was originally called Mambo. Mambo was developed in 2000 by an Australian company called Miro. Eventually, the source code was “forked” into what’s now called Joomla.

Joomla was officially launched in 2005, and has had several major updates since.

If you want to increase the capability of Joomla, you can add an extension.

Joomla has five types of extensions:

1. Components

Components are like mini-applications. Most have two parts to them, an administrative side and a site side.

2. Modules

This extension is used for page rendering. A footer or a login would be examples of modules.

3. Plugins

Plugins in Joomla refer to a function that triggers an event. This could be something like adding a form to your site, adding shortcuts, or adding an extra authentication method.

4. Templates

A template is the way the website looks. It changes the way the component and the modules will be viewed.

5. Languages

Extra languages are already built into the core Joomla package, but more can be added with an extension.

Hosting with Bluehost

Joomla also requires you to self-host your website, which technically pushes it a little away from being a completely free blogging site. I highly recommend using Bluehost for your Joomla hosting as well. Bluehost currently hosts over 85,000 Joomla sites, and it gives you a 1-click installation option immediately after signing up.

Examples of Websites Created on Joomla

Harvard’s Graduate School of Arts and Sciences:

Harvard Website Built on Free Blogging Site Joomla Screenshot

The Hill (a politics news website):

Example of a Joomla Built Blog Screenshot

Pros of Joomla as a Free Blogging Site

Great Multilingual Options

Joomla is a great choice for people searching for a way to translate their website into many different languages.

Customization and Flexibility

Joomla allows you to do many things with your website and blog. You’re not locked into a particular theme or minimal set of features. This level of flexibility gives you the ability to grow your blog.

Good for Monetization

With Joomla, you can monetize your site however you like, even as a free blogging platform which is an attractive feature. You can include ads, use affiliate links, and sell products as you see fit.

Joomla has eCommerce extensions like Eshop and J2Store that you can use to set up shopping carts and add products.

Cons of Joomla as a Free Blogging Site

Requires Moderate Level Tech Skills

If you’re brand new to site building and blogging, Joomla would probably not be the best choice for you. Someone who has some running knowledge of coding would do better with this free blogging site.

Cost for Domain and Hosting

The Joomla CMS is free to use, but you will still have to pay for your domain name and hosting.

Some Compatibility Issues

Some of the plugins with Joomla have compatibility issues. These could be resolved by someone with more extensive coding experience, but is not a reasonable avenue for people with limited coding knowledge.

This frustration is compounded by the fact that many of the plugins are not free, so you’re paying for a plugin that is incompatible with other plugins you’ve installed.

Site and Security Maintenance

Again, with any CMS, the onus is on you to make sure that your site is secure and properly maintained. If you’re looking for a very easy way to maintain your site, you may prefer something like Wix or Weebly who do the background work for you—even on some of their most basic free blog site plans.

Yola Free Blogging Site Homepage Screenshot and Example

Yola is a free blogging site that’s fairly easy to use, with a drag-and-drop feature.

It’s WYSIWYG, straightforward and it doesn’t take long to learn & use.

Who Would Like Yola

I personally wouldn’t consider Yola’s free version as the best free blogging site to go with. While it does give you access to some nice responsive templates, the free version is very limited and doesn’t quite stack up against the other free blogging sites we’ve compared in this list.

The ability to use your Yola site as an eCommerce space is probably one of its more alluring features. Unfortunately, this is not available with the free plan.

Most importantly, you can’t create a blog directly on the Yola site. You can only create a blog by integrating an already existing Tumblr blog.

With these things in mind, I would only recommend the free version of Yola’s a way to play around with website building or to determine whether you’re interested in paying for a higher premium plan.

General Information About Yola

Yola began as a free blogging site in South Africa during 2007. The company is located in Cape Town and currently has over 12 million users.

Yola has around 80 templates — one minor issue with their templates is they are not categorized in any way. So you’ll have to determine if you think the template works for the site you’re trying to create.

The Sitebuilder is available in six languages including English, French, German, Italian, Portuguese, and Spanish.

Their goal is, “Making it easy for you to get your business online.”

With a free plan you get:

  • 3 Pages
  • 1GB bandwidth
  • 1GB storage
  • Yola subdomain

An Example of a Website Created on Yola

Transportation Children’s Center:

Example of a Free Blog Built on Yola

A Look Inside Yola

Screenshot of Yola Tour

Yola allows you to choose a template to start with designing your blog. You can even choose a blank template if you’d like to start from scratch.

Example of Free Blogging Site Yola Built Blog

Here’s what the editor looks like with the chosen template. In order to get started, you can remove the standard pictures and exchange them for your images.

Yola Editor Example of a Free Blog Site in Progress

There are a lot of things you can customize on Yola including font, color, alignment etc.

Yola Editor Screenshot of Free Blog Site in Action

You can drag-and-drop widgets into place, but they do have to land in a predetermined area.

This can be a little restrictive if you have a different vision of what your blog should look like in your mind.

Pros of Yola as a Free Blogging Site

Fairly Simple to Use

Yola has a low learning curve and it doesn’t take a lot of time to start putting together a website.

Free to Start

You can start using Yola right away without paying for anything, but will have to upgrade to remove Yola branding, add multiple pages to your site or sell products online.

Customization and HTML

Yola does offer quite a few customization choices for a free blogging site and you can add coding for additional features. They do explain that your coding may conflict with their Site builder at times, so that’s something to be aware of.

Cons of Yola as a Free Blogging Site

Yola Branding

With the free plan, you will have a prominent Yola ad on the footer of your page.

Only Three Pages

If you’re using the free plan with Yola, you are only able to have three pages total.

No In-House Blogging Options

Possibly the biggest problem with Yola is you cannot run a blog straight from the editor. You would instead have to create a blog on Tumblr and integrate it into your Yola site.

Have to Upgrade to Add a Store

Yola does have quite a few attractive eCommerce features, especially for a free blog site, but you’ll have to upgrade to use them. You can’t add a store with the free package.


Which Free Blogging Site is Best For You?

Which free blogging site matches what you’re looking for is ultimately up to you.

If you’re looking for an extremely simple way to start a blog and aren’t concerned about making a profit with your site, something like Wix might be your speed.

If you want something fun and a little unusual with a built-in community, you may want to choose Tumblr.

For the top one-size-fits-all answer to which of these blogging sites are best though… I would only recommend self-hosted WordPress as the way for you to start your blog today—especially if you eventually want to touch the lives of lots of readers or build a business around your blog.

WordPress gives you the greatest potential to grow as a free blogging site (without forcing you to migrate your site soon after you get started). On WordPress.org you can start a simple hobby blog or build a profitable business. And for those who want something easy to start, you don’t need any tech experience at all.

A self-hosted blog on WordPress has by far the greatest potential for bloggers who want to build a real business—and you can keep your blogging costs down to around $5.00/mo with the right cheap hosting plan, too.

Once you’ve done your research and are ready to build a profitable blog—head over to my ultimate guide to starting a blog.

Want to Start Your Blog (the Right Way)?

Check out my ultimate guide How to Start a Blog (on the Side).


Artigos Relacionados:

https://clipstudio.com.br/charles-ong-snapchat-charlesngo-com/

https://responsibleradio.com/lista-dos-10-melhores-sites-de-compras-on-line-na-india-para-produtos-baratos-e-com-desconto/

https://teleingressos.com.br/mudou-recentemente-estas-dicas-irao-ajuda-lo-a-explorar-sua-nova-cidade-no-barato/

https://draincleaningdenverco.com/como-comprar-hospedagem-com-bluehost-criar-seu-blog-em-minutos/

https://holidayservice-tn.com/viajar-e-minha-paixao/

https://testmygeekstuff.com/perseveranca-principios-basicos-do-trabalho-independente-bem-sucedido/

https://proverasfestas.com.br/como-escrever-um-e-mail-comercial-profissional/

https://multieletropecas.com.br/como-lidar-com-uma-terapia-psicologica-bem-sucedida/

https://coniferinc.com/4ps-e-6ps-mix-de-marketing/

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br